domingo, 24 de abril de 2011

Uma Viagem À Índia

Estou lendo Uma Viagem à Índia de Gonçalo M. Tavares.
Autor premiadíssimo, recebi este livro de presente e, ao abri-lo e começar a ler, causou-me um certo impacto. Achei sua maneira de escrita muito própria e inusitada. De um modo ao qual eu não estava habituada. Comecei a lê-lo numa semana conturbada e o lia sem ler, se é que me entendem... Parei e  comecei novamente, do início, na semana passada.
E eis que estou diante de um gênio da literatura!
A cada Canto (porque o livro é uma epopéia moderna à moda de Os Lusíadas ou d'A Odisséia) pinço uma frase ou um parágrafo inteiro de ideias geniais.
Vou iniciar hoje o Canto IV.
Mas deixo aqui, uma das frases, entre tantas, que têm me encantado:
"...por vezes o Destino de um homem não chega a tempo..."

Embarquei nesta viagem e, talvez volte outra.....................................................................................

Não deixem de ler meu outro blog http://clubecafelivros.blogspot.com/2011/04/segunda-e-dia-de-poesia-eu-nao-sou-pra.html

16 comentários:

Beatriz disse...

Oi Glorinha querida!
Esta dica veio a calhar, estou ávida por ler mais um livro depois do seu! Confio em você, já que escreve tão bem!!! Espero ter outra oportunidade de encontrar todas vocês novamente, foi ótimo!!!
Beijinhos,
Bia
www.biaviagemambiental.blogspot.com

Mônica - Sacerdotisa da Deusa disse...

Florzinha!!!
Como foi de páscoa? Te desejo um feliz renascimento.
Flor, eu preciso de uma informação. Quero saber se consigo comprar o seu livro em alguma livraria da minha cidade, pois não gosto de comprar pela internet...
Beijinhos e desde já obrigada.

Flores e Luz.

Leila Brasil disse...

Viagem interessante. Essa frase fica com a gente rodeando . Legal!
Beijos, querida!
Vou tomar uma figura emprestada do Chico Buarque e te " deixar meus olhos para tomares conta" por que eles vão querer colher um pedacinho dos cantos que você compartilhar dessa viagem

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Eu acho que entendi o "ler e reler" que vc falou. Pq esse livro não dá pra ler en passsant, tem que ler com atenção, é daqueles que cada frase tem um grande significado, não é?

Tem um livro deste mesmo autor, chamado "O Senhor Brecht", quero ler. E quero ler esse ai q vc tá lendo tb, rs.

boa semana, Glorinha!

Beth/Lilás disse...

Maninhaaaaaaa!
Eu chego de Sampa e você tá indo pras Índias! Não pode! Tô com saudades dôce, me espera aí vai!
um beijo grande e abraço apertado

lolipop disse...

Querida Glorinha...
Deixo um poema de Gonçalo...lê-lo é mais uma viagem em alto mar do que um passeio num lago, mas acredito que a viagem vale a pena.

O Futuro Sai da Fenda e da Ferida

a geometria abre a linha para deixar passar a Imaginação.
O FUTURO sai da FENDA e da FERIDA.
Do que antes foi, hoje sai Sangue.
Inundar o VAZIO: o FUTURO inunda o VAZIO.
Porque todo o vazio tem por INIMIGO a Imaginação.
Porque todo o vazio tem o Inimigo.

Gonçalo M Tavares, "Investigações Novalis"


MIL TERNURASSSSSSSSSSSSSSSSSSSS
Que os ventos embalem sua viagem!

Glorinha L de Lion disse...

Oi Bia, acho que vai gostar, leia sim! Vai ser ótimo te reencontrar, beijos,

Glorinha L de Lion disse...

Oi Moniquinha, tudo bem querida? Infelizmente não será vendido em livrarias, por enquanto, pelo menos... só pelo site mesmo, mas é seguro, fica tranquila...Beijos,

Glorinha L de Lion disse...

Oi Leila, vou tomar conta pra vc rsrs....e depois te conto o que vi nessa viagem mágica, beijão,

Glorinha L de Lion disse...

Isso mesmo Alê. É daqueles pra ler, reler, ler uma terceira vez e muitas vezes, mesmo assim, passamos batido pelo que o autor quis dizer. Mas vale muito à pena. Leia sim, vc, vai gostar, não indicaria pra qq um, pois é um livro daqueles "difíceis"...
Beijos querido,

Glorinha L de Lion disse...

Oi Betita, vou pras Índias todas as noites e volto nas madrugadas....rsrs pode deixar que nos veremos dias desses....beijos,

Glorinha L de Lion disse...

Uau Loli, ler, reler e ler mais 3 vezes...fundo, profundo demais esse mar...só quem tem imaginação consegue preencher esse VAZIO...amei, dá o que pensar! beijos,

Calu disse...

São em viagens assim que enfeitamos o espírito de sonhos reais docemente embalados na música das palavras bem ditas, bem escritas, bem marcadas.
Fiquei curiosa em conhecer o autor e sua obra.
Glorinha, estou ansiosa por iniciar minha viagem em tuas letras. Vamos providenciar isso?
Saudades.Bjo grande,
Calu

Glorinha L de Lion disse...

Vamos sim, Calu. Assim que quiser! Acho q vc vai gostar dessa viagem, beijos,

Nilce disse...

Essas são as melhores viagens Glorinha, onde podemos voltar e ver o que nos passou despercebido.
Ler e reler é viajar com medo e depois suavemente sem querer que acabe.

Bjs no coração!

Nilce

Glorinha L de Lion disse...

Oi Nicita. Em toda viagem não nos damos conta de muita coisa...só depois é que percebemos tudo o que deixamos passar. E com isso aprendemos e nos fortalecemos para as próximas e futuras viagens. Beijos,