sábado, 29 de outubro de 2011

Minha Queridona Se Foi

Escolhi essas margaridas pela sua beleza, simplicidade e pureza para homenagear minha amiga irmã Welze do blog Gostosuras sem Travessuras que partiu ainda há pouco desta vida.
Ela era aquela que sempre tinha uma palavra de consolo, os abraços abertos para acarinhar, o ombro amigo para nos sustentar.
Era uma fortaleza de mulher, ajudando a tudo e todos, sempre comemorando cada aniversário com renovada alegria, uma pessoa que soube tirar da vida cada pedacinho de felicidade. Amou demais e foi também, muito amada.
Nunca a esquecerei, minha queridona.
Que sua família encontre na união, a força e o consolo necessários para seguir adiante.
Dedico esse post à memória de Welze de Fátima, minha grande amiga.

"Mas as coisas findas,
muito mais que lindas,
essas, ficarão."
Carlos Drummond de Andrade

27 comentários:

Inaie disse...

Ah minha querida, quanta docura em suas palavras. tenho certeza que a sua amiga esta la em cima, olhando pra voce e sorrindo.

beijos

angela disse...

linda homenagem, ela foi tudo isto mesmo e sua lembrança ficará para sempre. bjs

✿ chica disse...

Puxa, eu estava envolvida aqui e fora e fiquei triste em saber. Que ela descanse em paz e a família seja confortada. beijos,chica

Violeta Nascimento disse...

Glorinha querida,
Estava hoje lembrando de quanto tempo que não consigo vir aqui e me bateu uma saudade de você, do seu espeço e vim rapidinho pra te dar um oi e dizer que estamos aqui e chegando aqui na sua casa me deparei com a sua postagem sobre a viagem da sua amiga..meu sentimentos..que todos sejam consolados..
um beijo grande
vi

Orvalho do Céu disse...

Ai, que notícia triste demais, Glorinha!!!
Mas ela terá a sua recompensa na outra vida...
Bjs de pesar pela nossa amiga que tanto nos consolou.

Valéria disse...

Oi Glorinha!
Muito me comoveu saber desta triste notícia! Sempre nos assustamos com a morte de alguém que conhecemos, mesmo que no caso virtualmente. Aprendemos a admirar cada pessoa, o seu melhor e Welze era uma mulher de fibra, amante da vida, sempre cheia de esperança e entusiasmo. Que ela encontre a paz! Sentiremos sua falta!
Beijos!

Hugo de Oliveira disse...

Bonita homenagem.
Te desejo um ótimo final de semana.

abraços

Calu disse...

Glorinha,
sabemos da certeza da morte, mas como é difícil aceitá-la, ainda mais numa pessoa tão cheia de vida e energia como vc descreveu tua amiga.
Diante do sofrimento de alguém querido, precisamos abandonar o egoísmo, um aprendizado doloroso nesses momentos.
Deixo-te um forte abraço e meus sentimentos de pesar à família da Welze.
Bjos,
Calu

Lu Souza Brito disse...

Ô Glorinha...

Que a familia dela encontre mesmo forças para este momento que é sempre tão difícil. Independente da crença, não é fácil vermos os nossos queridos partir.
A ultima vez que comentei no blog dela foi ás vesperas da cirurgia.
Um beijo para vc!

Lúcia Soares disse...

Glorinha, que ela esteja bem, onde estiver, livre do sofrimento que a acometeu nos últimos meses.
Nem de longe posso imaginar o que a família está passando. Espero que tenham forças para passar por essa dor. E que as doces lembranças façam parte de suas vidas. Mãe é imortal.
Beijo!

Paula Pacheco disse...

Fiquei muito chateada com essa noticia, uma amiga virtual que parecia que já conhecia ha tempos...sempre muito carinhosa com seus comentários em nossos blogs, vou sentir muito sua falta...

pensandoemfamilia disse...

Oi Glorinha
Não conheci a Welza, mas é sempre triste esta despedida. A foto nos mostra sua vivacidade. Que descanse em paz.
Solidarizo-me.
bjs

R. R. Barcellos disse...

Cumpriu-se o ciclo da lida,
Cumpriu-se o ciclo da dor;
Cumpriu-se o ciclo da vida, Cumpriu-se o ciclo do amor.
Abraços.

angela disse...

fico feliz que vc que tenha presentado a queridona com a aquele selinho.
achei que ele poderia as representar as amigas unidas nesta hora, me lembro que mencionava sempre que ali estavam ela, a filha de vermelho e as irmãs. bjs

LILIANE disse...

Nossa Glorinha, estou tão triste com esta noticia,
fico pensando por outro lado que ela já não precisa passar por dores e sofrimentos.
Nosso carinho pra família, pra Cucla, né.
um beijo procê flor.

Irene Alves disse...

Profundamente triste e sem palavras...
Que a Welze esteja numa estrela
citilante...
Que consigo tudo possa estar
melhor.
Comovida, um beijo.

Luma Rosa disse...

Poxa!! Convivi pouco com a Welze, mas o pouco foi o bastante para sentir que sua essência era muito boa! Como escrevi no blogue dela: cumpriu a sua trajetória e agora, descanse em paz!

Isadora disse...

Ai Glorinha que notícia triste. Passei outro dia pelo blog dela para deixar um beijo.
Acreditei que tudo estava se encaminhando para que ela ficasse boa.
Um beijo e linda homenagem.

Leila Brasil disse...

Amiga, vim te ver e vou ficar caladinha dessa vez . Não sei dizer uma palavra bonita ou de força . Deixo minha presença por aqui . Beijo

Toninhobira disse...

Oi Glorinha bom lhe ver,ao mesmo tempo triste pela informação.Mas como bem disse o poeta..."estas ficarão".
Uma justa e bela homenagem para alguem que deixou sua marca e que ficará.
Meu terno abraço de paz e luz.
Uma semana cada vez melhor.
Bju.

manuela baptista disse...

um abraço, Glorinha

pela sua amiga querida


manuela

Glorinha L de Lion disse...

Meu beijo a todos. No momento, estou sem forças para blogar. Obrigada pela solidariedade,

She disse...

Muito triste isso, convivi pouco tb com a Welze, mas a sua garra era logo percebida e a doçura também... Que ela descanse em paz! Linda homenagem Glorinha! Beijo, beijo!
She

Graça Pereira disse...

A delicadeza de uma amizade e a ternura de umas margaridas para lembrar uma amiga que nunca será esquecida... Muito teu este modo de estar na vida que eu acho belo.
Um beijo grande.
Graça

Simples Assim disse...

Muito bonito, GLorinha! Dupla homenagem: Welze e Drummond!
A eles o nosso carinho, as nossas orações.
Bj,
Lylia

Ana Maria Braga disse...

Inacreditavel o falecimento da Welze. Estou boquiaberta com a notícia. Não estava sabendo e nem acompanhando os fatos.
Que Deus a tenha e dê conformação para a familia.
Bjs

Socorro Melo disse...

Glorinha!

Sempre achei tão carinhosa essa maneira como você chamava a Welze: queridona! E ela foi, muito querida por todos nós...
Os versos do Carlos Drummond são belíssimos, e dizem o que também penso.
Feliz e merecida homenagem à amiga!

Um grande abraço
Socorro Melo