segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Minha Famosa Torta "Toalha Felpuda"

Pessoal, essa foi a torta que fiz no meu aniversário.
Essa torta tem história, pois fui adaptando até ficar ideal para mim. É a torta dos aniversários aqui de casa, a que meu filho mais gosta e também a campeã de pedidos quando eu fazia tortas para vender.
Ela era um segredo de família pois eu tinha um pouco de ciúme de ensiná-la a qualquer pessoa.
Por isso, senhoras e senhores, sintam-se presenteados com a "original, com a única, com a inconfundível ( e agora, internacional ) "Torta Toalha Felpuda da Glorinha"!

Massa:

8 ovos
4 copos de geléia (daqueles tipo geléia de mocotó) de açúcar
4 copos de geléia de farinha de trigo
1 colher de sopa de fermento em pó
12 colheres de sopa de água gelada

Bata as claras em neve, junte as gemas, bata mais e adicione o açúcar. Continue batendo. Adicione a água gelada. Vá colocando a farinha de trigo e por último, o fermento.
Divida a massa em duas formas redondas untadas e enfarinhadas de 25 a 30 cm de diâmetro.

Recheio:

Bata no liquidificador:
1 lata de leite condensado
1 vidro pequeno de leite de coco
3 gemas ( guarde as claras para o marshmellow)
1 lata de creme de leite
1/2 medida da lata de leite de vaca
2 colheres de sopa de Maizena ( amido de milho)

Depois que estiver bem batido, coloque numa panela, leve ao fogo e mexa até engrossar.
Mas não deixe engrossar demais.

Recheie as duas metades do pão de ló com esse creme.

Cobertura de marshmellow:

Leve ao fogo 3 xícaras de açúcar e 1 de água.
Deixe ferver sem mexer até ficar em ponto de bala mole ( retire um pouco da calda, quando engrossar e coloque na pia, se estiver meio puxento e grudando nos dedos, está bom ).
Enquanto a calda engrossa, bata as 3 claras em neve com 3 colheres de sopa de açúcar até ficar feito suspiro.
Quando a calda estiver no ponto, ir despejando sobre esse suspiro, batendo sempre na batedeira, sem parar. Coloque umas gotas de baunilha e bata até esfriar.
Depois, é só colocar em cima do bolo e colocar coco fresco ralado por cima dela toda e levar à geladeira até a hora de servir.

E voilà, é de comer rezando....
Esse é meu presente pra Paulinha do blog Mulheres a Vapor.





7 comentários:

Juliana disse...

Toda vez que vejo seu blog, meu paladar agradece!
Deve ser mesmo uma delicia sua torta!
Beijos

Cucchiaio pieno disse...

Vendo esta maravilhosa e apetitosa foto compreendi perfeitamente o motivo desta tua torta ser famosa! Parabéns.
Abraços fraternais
Léia

Paula Pacheco disse...

Glorinhaaaaa...obrigada....que delicia de bolo, só pela foto dá para imaginar a fofura feste bolo, já esta na minha lista de fazer urgente, gostei muito do presente, aliás que cara de pau a minha, era vc quem deveria ganhar huahauuua
bjinhos e até mais,
Paula

Andréia Santana disse...

Ai meu regime!!! É comer com os olhos literalmente... parece ser deliciosa!!! Bjks

Vagamundos disse...

Que aspecto fabuloso!!! É de arregalar os olhos.
Bjs

Edna Fadinha disse...

Glorinha vc é mesmo um amor,é de pessoas como vc que o mundo precisa.Obrigada pelas visitinhas em meu mundinho.
Bjs

Lê e Lá Doces Delicias disse...

Olá Glorinha,que bom que voce compartilhou essa sua receita que me parece deliciosa...mas por favor quanto será que tem um vidro de geleia de mocotó? obrigada beijos Laura