quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Pirilampos

Pirilampos
Habitavam
Aqui
A mata
Espessa
Eu os via
Sem que me vissem
Lanterninhas
Por detrás
Das janelas
Eles
Livres
Iluminando
A noite
Enquanto eu
Apagada
E presa
Os invejava
Ainda não me sabia
Passarinha
Nem que podia
Com palavras
Iluminar
Meu mundo...

37 comentários:

Kézia Lôbo disse...

TEu blog é lindo demais!!!! Me encantei!!!!
To seguindo!

http://ofantasticomundodaarte.blogspot.com

Roy Frenkiel disse...

Muito bom :-)

bjx

RF

Lu Souza Brito disse...

Momentos de descobertas não é mesmo Glorinha?!
Fico pensando, quantas coisas maravilhosas somos capazes de fazer, e não fazemos pos não conhecer a nós mesmos.

Um beijo passarinha!

JoeFather disse...

Fascinante! Parabéns pela inspiração!

Abraços renovados!

welze disse...

oi minha linda. numa das nossas viagens à Curitiba, descendo a serra entre Tapiraí e Juquiá, o bonitão e eu tivemos a sorte, o privilegio de ver uma cena como essa. Era uma noite escura, e em meio a serra, zilhões de vagalumes, como gosto de chamá-los, inundaram a estrada. Parecia uma mágica, um conto de fadas, ou coisa de filme. Paramos o carro, mesmo não sendo muito seguro e ficamos alí, sem poder sequer sair do lugar ante tal visão. Foi lindo demais das conta. adorei, como sempre, sua versão para os pirilampos. beijos

Nilce disse...

Oi Glorinha

Muito lindo!
Levou-me à infância correndo atrás dos vagalumes que iluminavam nossas noites "sem lua", de brincadeiras de pique-esconde.
E hoje eles iluminam nossas vidas.

Bjs no coração!

Nilce

Glorinha L de Lion disse...

Oi Kézia, bem vinda! Obrigada! Fico feliz que tenha gostado! bjs,

Glorinha L de Lion disse...

Oi Roy, thanks, bjs,

Glorinha L de Lion disse...

Sabe Lu, estou num momento muito meu, de muitas descobertas, muita escrita, muita inspiração...Tem dias que nem caibo em mim mesma...Obrigada, beijos,

Glorinha L de Lion disse...

Queridona, que lindo esse espetáculo deve ter sido! Fez bem em parar para olhar...essas coisas quase não existem mais...aqui, por ex, quase nem vejo mais vagalumes...beijão,

Glorinha L de Lion disse...

Oi Nilce, época boa a da infância da gente...eu quase não vejo mais vagalumes por aqui e olha que moro dentro da mata...uma pena...beijos,

Dona Amélia disse...

Que delicadeza, Passarinha! ;oD
Muito lindo!

Xerinhos
paty

Glorinha L de Lion disse...

Oi Paty, obrigada, ando inspirada demais amiga, beijos,

lolipop disse...

Querida Glorinha...
Acho que só vi pirilampos em filmes...(risos)...mas amo! São luzinhas mágicas que fazem sonhar em noites de Verão.
Iluminam caminhos como quem escreve
com giz claro na noite escura sem saber que é lanterna gizando palavras noutros corações...como vc, amiga querida.
Carinhos
PS
Deixei um comentário no post anterior...

Teresinha Ferreira disse...

Olá Glorinha,
Pirilampos...Espero que continuem livres iluminando caminhos para o bem.
Feliz Ano Novo.
Bjs mil

Mônica - Sacerdotisa da Deusa disse...

Flor linda do core!!!
Lembra dessa..."Bailam corujas e pirilampos entre os sacis e as fadas..." E eu lá, criancinha já viajando na maionese hahaha, imaginativa que sou via tudo, a floresta, as fadas, o lobisomem rsrss...e agora leio essa sua doce inspiração e fico aqui, me lembrando da minha infância...obrigada querida.
Beijinhossssssssssssssss

Flores e Luz.

Glorinha L de Lion disse...

Doce Loli! Aqui onde moro havia muitos pirilampos antigamente, pois atrás da minha casa é mata fechada...mas não sei o que aconteceu que raramente os vejo agora...mas que linda imagem construiu do giz riscando a noite escura...minha amiga, tu tb és poeta! lindo isso...e eu, a riscadora...ai que delícia...obrigada, beijos,

Mila Viegas disse...

"Pirilampeia" Miguxa!!!! rsrs
Tão lindo! Amei!
beijocas

Isadora disse...

Oi Glorinha que linda poesia. E mais bonita ainda por finalizar "iluminado" a todos aqueles, que não imaginam o tanto que somos capazes.
Um beijinho

Larissa disse...

Glórinha, que delícia de post! Estão tão leves... Saudade minha pirilampinha! hahahahahaha

Beijocas

Luma Rosa disse...

Não sei o que são pirilampos. Serei aquilo que sai aos tapinhas da bundinha da "Sininho"? Imaginei algo encantado! Ah, que palavra bonita!! Beijus,

manuel marques disse...

É à noite que é belo acreditar na Luz ...


Beijinho.

Lucia Cintra disse...

Eu AMO pirilampos e sempre fico super contente em ve-los por aqui no verao!! bjos

Camille disse...

Que linda poesia. Daquelas que quando a pessoa faz acho que dá um suspiro do tipo: desceu redondo. Uma satisfação. Voce nao sente isso? Que algumas palavras juntas as vezes sao um "achado" no meio do nada, que voce recolheu, juntou e fez uma coisa bela. Enfim, nao sou doida nao. Nao faço poesias maas sentia isso quando fazia meus textos profissionalmente. As vezes eu mesma me emocionava. Acredito que seja o seu caso. Parabéns!
Beijos da Cam

Dani Etoile disse...

Liiiiiiiiiiindo. Cadê o livro, autografado com dedicatóooooooria?!
beijos,
Dani

Glorinha L de Lion disse...

Oi Teresinha, tb espero amiga que continuem, que proliferem, pois andam escassos...e que iluminem os homens, Feliz 2011! bjs,

Glorinha L de Lion disse...

Oi guxa vou pirilampeando por aí...hehe beijos,

Glorinha L de Lion disse...

Mônica, minha linda, que bom que te fiz lembrar da infância...são lembranças tão doces e lindas não é? beijos querida,

Glorinha L de Lion disse...

Obrigada Isa, beijos,

Glorinha L de Lion disse...

Lalá, E eu de vc, vagaluminha...hehe beijos,

Glorinha L de Lion disse...

Lumita não acredito que nunca viu pirilampos ou vagalumes...logo tu que tens Lume no nome, Luz de Luma! A luz de pirilampos é a coisa mais linda de se ver na noite...pena que andem escassos a iluminar as matas daqui, beijos,

Glorinha L de Lion disse...

Amigo Manuel, é belo sempre acreditar na luz! A qq hora do dia ou da noite...beijos,

Glorinha L de Lion disse...

Oi Lucinha, ah então aí tb tem desses? Que legal! Achei que só em países quentes eles eram mais abundantes...beijinhos,

Glorinha L de Lion disse...

Camille, às vezes escrevo de supetão...nesse dia escrevi seis poesias e um conto seguidos...parecia que tinha "baixado" o espírito escrevinhador...hehe se eu acreditasse nisso diria que sim...ando prolífera de ideias e imagens. Fico sim emocionada, às vezes choro muito quando escrevo...me realizo de uma forma indescritível.
Que bom que gostou, obrigada, beijos,

Glorinha L de Lion disse...

Ai Dani, quem me dera ter meus livros prontos ou sequer editados...ainda não tenho nenhuma resposta das editoras...mas 2011 será meu ano, tenho certeza! Quando estiverem prontos, vc saberá, fique certa disso!

orvalho do ceu disse...

OI, Glorinha
Passo,com calma,pra desejar-lhe um Novo Ano cheio de paz e prosperidade em todos os sentidos...
Cheguei hoje de viagem...
As minhas férias foram deliciosas... Junto à família tudo é bom demais!!!
Tenha um 2011 cheio de luz e irradiação positiva!!!
Bjs com gostinho de início de ano

Glorinha L de Lion disse...

Oi Roselinha, muita paz e realizações nesse novo ano tb pra vc! Que seja um ano de muita luz, a luz dos pirilampos pra todos nós! Beijos, obrigada,