quarta-feira, 17 de março de 2010

Vazio...







O que a gente faz num dia triste e chuvoso, quando parece que carregamos o peso do mundo?

O que a gente faz quando não vê nenhuma luz no meio das sombras e nada parece ser maior que a nossa dor?

O que a gente faz quando perdeu a fé em tudo e não sabe mais rezar?

Chora? Deita na cama e se esconde debaixo das cobertas? Olha a chuva caindo e deixa suas lágrimas rolarem junto com ela?

Faz o que, diante do que não tem remédio?Joga suas esperanças no lixo?

Lê um livro de auto ajuda?

Pensa que podia ser pior? Faz o jogo do contente? Pensa nas vítimas do terremoto?

Pensa na miséria e na fome?

Mas e quando nem isso consola?

Era bom quando eu acreditava em deus...podia pedir e ter esperança de ser atendida...tinha esperança...

Tenho inveja de quem acredita...inveja de quem acha que tudo tem suas compensações...e que se não for nessa vida, será na próxima...

Mas e eu, que não creio em nada disso, faço o que com a minha vida?

Espero...espero...espero...E nada acontece...

Se nossos pensamentos têm mesmo massa, e se, como diz a nova ciência, eles podem ser direcionados a nosso favor, porque será que os meus não caminham na direção que quero, que preciso?

Porque será que meus pensamentos bons, meus sentimentos de amor, solidariedade não revertem em algo de bom para mim?

O que há de errado comigo? Com a minha vida?

A vida é o que fazemos dela ou ela é que faz o que quer da gente?

Onde está a resposta às minhas perguntas? Onde estão a realização dos meus anseios?

Quando se crê, a resposta é fácil...quando não, não há a quem pedir...

E nessa solidão, vou seguindo, carregando o dia...ele pesa tanto no meu ombro frágil...ele pesa tanto acumulando semanas, meses, anos...

Eu, tal qual um Atlas pigmeu, sigo carregando meu mundo, afundando a cada passo na areia movediça que parece engolir meus sonhos...

Porque não nasci em outras eras, quando se acreditava em deuses?

Porque fui nascer assim, descrente, sem fé?

Porque não tenho um deus que fala comigo?

Porque falho tanto, erro tanto, se acerto tanto também?

Minha solidão é tão sólida que quase posso tocá-la...posso sentir suas mãos querendo afagar as minhas...

Nasci com a maior solidão do mundo, aquela que tem o peso do céu que não me protege.




22 comentários:

Claudia Bins (Cacau) disse...

Oi Querida!

Menina, você anda inspirada mesmo hein? Amei o post anterior também, das 100 coisas de fazer antes de partir... acho que devemos sempre ter sonhos, muitos sonhos!

Beijo grande,

Cacau

Yoyo Pizy disse...

Amiga querida,
Faz tão pouco tempo que nos encontramos nesse mundo virtual mas, como é grande a identificação que tenho com você!
Suas palavras me comovem, sua solidão me toca e tudo que posso dizer é que acrdito que a vida seja cíclica então, tudo passa e dias melhores virão, certamente.
Um beijo carinhoso

Beth/Lilás disse...

Glorinha,
Não tô gostando nada disso.
Acho que vou ter que ir aí e vc está me deixando preocupada.
Tenho dentista daqui há pouco e quando voltar te ligo, tá.
Não fica assim, sempre tem uma luz no fim do túnel, acredite.
Vou estar fazendo boas vibrações para você nesta tarde chuvosa, ok.
um beijo carinhoso

Cris França disse...

querida

a gente quando sofre se pergunta repetidamente porque, e sem resposta desanimamos.
a pergunta então deveria ser outra?
não espere fazendo a mesma pergunta, uma resposta diferente
mude a pergunta...
pergunte para que... bjs

Suzanna disse...

Bom então é assim:
Senta aqui ara APANHAR... e muito.
Não vai resolver nada você se entregar para este sentimento.Reageeeeeeeee, faça algo, como? tente se apaixonar por algo, antes de ir à Paris, Roma ok...veja você precisa ir "APAIXONADA", COM OUTROS FOCOS.ESTÁ AI UMA SUGESTÃO, LEVANTA E PROCURE POR AÍ, DEVE TER ALGO NA SUA CABEÇA ESPeRANDO VC TIRAR ESTA COISA FEIA DA FRENTE OK?!
E não se cobre se não conseguir por hoje, só se desistir cobre-se até que faça.
A fé que você acabou de camr, está ai dentro de você, vasculhe tenho certeza que se der a chance encontra-rá o "conforto que transcende a alma'.
e cuide-se
Ahhh porque não começa a preparar o post "Dia de Ir a Paris", ou pinte aquela caneca com a torre.Nada esta irremediavelmente perdido, quando se esta VIVO!Pense nisso.
Bju

Cucchiaio pieno disse...

Querida Glorinha
Se pudesse te daria um forte abraço neste momento.

Acredito o quanto te pesa tudo isto, realmente crer, ter fé ajuda muito, mas quando nao temos onde agarrar e olhamos a vida fazer o que quer de nós, sem podermos defender, é mesmo desesperador! Imagino o tamanho de tua solidão amiga, mas espero que uma luz no fim do túnel venha te encher de esperanças.
Mil beijos
Léia

café e chocolate disse...

Glorinha,seu post tem tudo ahaver pelo momento q estou passando. Passa lá no meu para tomar um cafezinho de repente um batepapo.Me add no seu msn.

Açuti disse...

Oiii Glorinha

posso te dizer uma coisa com toda a sinceridade do mundo...

Olha eu te adoro mesmo, sei lá nem te conheço pessoalmente, mas vc é uma pessoa que me conquistou fácil pelo jeito de ser, verdadeira, objetiva...

Que tal deixar essa tristeza de lado e se reinventar....vc não precisa acreditar em nada de fora, apenas em vc mesma!!! Crer que pode fazer diferente amanhã....
e olha, não fique brava comigo, ou achando que sou insensivel...mas as respostas para suas questões estão dentro de vc mesma!!!

Espero que não me odeie....
pq eu te adoro, de verdade!!!

bjkssss

Bordados e Retalhos disse...

Glorinha, eu que creio em Deus incondicionalemnte, as vezes também fico desesperançada e pergunto, onde Ele está que não me escuta. Então tenho certeza de amanhã você também receberá de presente uma resposta, encontrando graça e paz nas pequenas coisas. Vai passar amiga. Tenho certeza que vai. Bjs

Açuti disse...

Ah, vc nunca está sozinha.....
Escute sempre a voz q tem dentro de vc....ela grita!!!

Sei lá, me veio a cabeça um livro q li a um tempo e que voltei a ler....me fez/faz tão bem:

"Mulheres que correm com o lobos" de Clarissa Pinkola Estés.

Se já leu esse livro, releia, se não leu, fica a dica....

bjkssssssss mil

Misturação - Ana Karla Tenório disse...

GLORÍSSIMA!

Que é isso?
Você além se ser, você pode.
Não deixe o vazio tomar conta de ti e saia já desse abismo.

Deixe que estas palavras escritas virem apenas um poema e que tantos estão ao teu lado positivamente.

Eu também nem te conheço pessoalmente, mas me sinto uma grande amiga e gosto de você.

Um xero, dois xeros, três xeros, quatro xeros, xeros, xeros...rs
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Chica disse...

Queres uma braço pra acabar essa solidão chata? Aqui vai...estica bem os braços e recebe meu carinho!beijos,chica

Viagem Afora disse...

Não fica sozinha não, tem toda a blogosfesra com voce.
bjs

Deusa disse...

Amiga....que pessoinha pequenina e essa que implora pela atenção de Deus com tantas palavras?e como um filho que chora para receber a atenção da mãe.....
Pode me fazer um favor?apenas um......
Com certeza não gosta do Padre Marcelo Rossi......bom não sou crente nem nada,mas te peço uma coisinha só......
Feche a porta do local mais tranquilo que vc achar na sua casa.....coloque a musica *Senhor eu sei que tu me sondas*.ouça na voz deste padre,converse...chore,rasgue o verbo e coloque logo esta carga na mão de Deus.Apenas ouça esta musica....ouvi ela 6 meses seguidos depois que perdi meu primeiro filho com 4 meses e 3 dias de gravidez.
Beijos
Deusa
vasinhos coloridos

Junia Ansaloni disse...

Te deixo o meu forte abraço tambèm...Um otimoooo dia para vc !!! Bjim

Naná Jacob disse...

oi querida, adorei sua visita no meu cantinho...
suas palavras são fortes, e seu texto muito triste...
tudo que pensei em te falar, você já disse que não adianta no seu post...

não sei o que dizer..

espero que consiga a felicidade... e se encontre em momentos melhores do que esse...

beijos

Anônimo disse...

Oi Ambi!
Acho que até posso adivinhar o motivo do seu texto tão pesado de hoje.
Não sei se vai adiantar, mas estou-lhe mandando um texto de Dom Helder Câmara que diz o seguinte:

"Quando houver contraste entre a tua alegria e um céu cinzento e entre tua tristeza e um céu sem nuvens, bendiz o desencontro. É aviso divino de que o mundo não começa nem acaba em ti".

Bola pra frente, que atrás vem gente.
Bjs. do Ambi

Suzanna disse...

GLÓRIaaaaaaaaaaaaa, estamos espErando você reponder !!!
Ok? pode brigar, e xingar se quiser, mas responda nowwwwww

Suzanna disse...

GLÓRIaaaaaaaaaaaaa, estamos espErando você reponder !!!
Ok? pode brigar, e xingar se quiser, mas responda nowwwwww

cantinho she disse...

Só pra te dar um abraço...

Marilac disse...

Glorinha,
Só hoje li seu post e espero que já esteja se sentindo melhor!
Enquanto lia fui vendo na lateral do blog as fotos de tantos momentos felizes , dos seus filhos lindos, lembrei dos seus posts sobre a viagem a Itália e ainda tem o sonho maravilhoso e possivel da viagem a França.Então, levanta sacode a poeira, abre esse sorriso lindo e começa uma nova etapa.Esse inferno astral não tem força contra sua atitude positiva.

bjs
com carinho,
Marilac

Glorinha L de Lion disse...

Gente, hoje vou fazer um agradecimento geral pra todas vcs que me acarinharam, me abraçaram, pensaram em mim com carinho...até meu irmão me mandou um coment, que fofo!
Adoro vcs, por se preocuparem comigo...eu ando mesmo uma chata! Reclamando, chorando, choramingando...não gosto, aliás detesto estar assim!
Sinto um carinho imenso por todas vcs, gente que nem me conhece direito, veio aqui, deixar um recadinho, com a melhor das boas intenções...
Meu beijo e gratidão a todos vcs!