sexta-feira, 2 de abril de 2010

Marias, Milas, Manuelas, Giovannas, Thaíses...



Fui fazer um comentário agora, no blog da minha linda , jovem e cheia de força e garra amiga Mila, do blog Mila's House e me inspirei...
Fiquei pensando numa música que eu amo, Maria Maria, de meu amado Milton Nascimento.
E, com essa música na cabeça, penso na força, na garra, na alegria de viver que tantas de nós, mesmo passando por momentos difíceis, por adversidades, por situações desesperadoras, não desistimos, não esmorecemos...
Que força é essa que nós, mulheres, carregamos dentro de nós?
Que força é essa que tantas Marias, Milas, Glorinhas, Manuelas, Lúcias, Giovannas, Léias, Thaíses possuem?
De onde vem essa garra, essa fé na vida, essa vontade de vencer os obstáculos?
Os crentes dirão: é de deus...é de alá, é de buda, é dos espíritos, é dos anjos...
Eu direi...é de nós mesmas...nasce conosco essa esperança, que mesmo quando o mundo nos diz: Não! teimamos em dizer de volta: Sim!
É a crença em nós mesmas, em uma força que muitas de nós nem sabemos que temos, outras, tem plena consciência dela, outras ainda se surpreendem quando são confrontadas e ficam cara a cara com ela...

Amor à vida, fé em deus, em deuses, em nós mesmas...pouco importa o nome que tem...
Mas é ela que nos faz levantar da cama todos os dias, e, mesmo com pouca esperança, achar que tudo vai dar certo, tudo vai melhorar, tudo vai entrar nos eixos...
É essa força, atávica, que vai passando de geração a geração, entre nós, mulheres, que veio das avós, bisavós, tataravós, mães...é a força da natureza enquanto fêmea, em seu estado mais puro...a que nos faz, mesmo nos piores momentos, ainda ter um sorriso para dar a um filho, ainda dar um abraço em quem precisa, ainda ter uma palavra de consolo a quem necessita...
Nessa santa semana repleta de simbolismos, desejo que a força do renascimento, representada por um ovo, pelo eterno renascer, transforme a vida de todas as mulheres que sofrem e precisam de novos caminhos, de sol, de luz...
E, tal qual borboletas saídas do casulo, a cada dia, abrindo as asas para o novo, para o que vem, para o futuro, nunca percamos a fé em nós mesmas...
E que, assim como o cactus, no meio de tantos espinhos, saibamos fazer nascer flores, lindas, singelas...


Que o símbolo dessa páscoa seja a força de tantas mulheres que renascem todos os dias, a cada amanhecer, reconstruindo a si mesmas, a suas vidas, recolhendo escombros, recolhendo os pedaços e se refazendo diariamente à custa de todo o amor que carregam em si.
Minha homenagem a todas as mulheres, minhas amigas, que sabem o verdadeiro sentido de sobreviver e de renascer.
Feliz Páscoa a todos!
Dedico essa música a todas as Marias, Marias que tenho encontrado em minha vida.

Milton Nascimento - Maria, Maria


 Maria, Maria
É um dom, uma certa magia
Uma força que nos alerta
Uma mulher que merece
Viver e amar
Como outra qualquer
Do planeta

Maria, Maria
É o som, é a cor, é o suor
É a dose mais forte e lenta
De uma gente que rí
Quando deve chorar
E não vive, apenas aguenta

Mas é preciso ter força
É preciso ter raça
É preciso ter gana sempre
Quem traz no corpo a marca
Maria, Maria
Mistura a dor e a alegria

Mas é preciso ter manha
É preciso ter graça
É preciso ter sonho sempre
Quem traz na pele essa marca
Possui a estranha mania
De ter fé na vida....

Mas é preciso ter força
É preciso ter raça
É preciso ter gana sempre
Quem traz no corpo a marca
Maria, Maria
Mistura a dor e a alegria...

Mas é preciso ter manha
É preciso ter graça
É preciso ter sonho sempre
Quem traz na pele essa marca
Possui a estranha mania
De ter fé na vida....

Ah! Hei! Ah! Hei! Ah! Hei!
Ah! Hei! Ah! Hei! Ah! Hei!!
Lá Lá Lá Lerererê Lerererê
Lá Lá Lá Lerererê Lerererê
Hei! Hei! Hei! Hei!
Ah! Hei! Ah! Hei! Ah! Hei!
Ah! Hei! Ah! Hei! Ah! Hei!
Lá Lá Lá Lerererê Lerererê!
Lá Lá Lá Lerererê Lerererê!...

Mas é preciso ter força
É preciso ter raça
É preciso ter gana sempre
Quem traz no corpo a marca
Maria, Maria
Mistura a dor e a alegria...

Mas é preciso ter manha
É preciso ter graça
É preciso ter sonho, sempre
Quem traz na pele essa marca
Possui a estranha mania
De ter fé na vida

26 comentários:

Chica disse...

Glorinha, tu és mesmo fantástica!Essa música é linda e tuamensagem, brilhante!beijos e tudo de bom,nessa Páscoa e SEMPRE!chica

Bordados e Retalhos disse...

Glorinha esse post é um verdadeiro presente. Sinto-me mais orte depois de tê-lo lido. Ainda que esteja passando por dificuldade e as vezes chorar de desespero, sei que alguem consegue encontrar alguma força em mim, me dizer isso e me ajudar a levantar a cabeça e seguir em frente. Obrigada amiga, mesmo longe você consegue captar com sensibilidade aquilo que estamos sentindo. Não sei se "apenas" por ser mulher ou por ser uma pessoa mais que especial. Bjs

Rozani disse...

Oi Glorinha!
Que beleza de homenagem para nós mulheres.Me sinto honrada com essa homenagem para todas nós que somos tão batalhadoras.
Essa música diz muito da nossa batalha e fé diária.
Feliz Páscoa, pra vc e sua família!
Bjs,Rozani

Maria Izabel Viégas disse...

Minha amada, que post lindo. Realmente olhar uma filha e senti-la mulher, mais uma guerreira das muitas Marias com nome e sem nome que andam espalhadas pelo mundo...e ver que estaa é uma descendente tua.
Que traz no sangue e corpo a marca de toda uma raça de Glorinhas.
É, amiga, um presente da Vida,
eu diria do Amor Cósmico que apenas creio que vem de Deus ,
mas que isso em nada importa.
Veio de algum lugar... das estrelas, do Infinito,
mas está aí materializado Mila....
tua Mila, a Mila do Mundo!
E te inspira...nossos filhos nos inspiram, são nossas forças... são nossas divindades materializadas com um nome: Amor!
É assim, Glorinha querida,com certeza, aprendemos com a vida vivida que..

"... é preciso ter força
É preciso ter raça
É preciso ter gana sempre"

pois trazemos no corpo a marcas da vida!
E viver é resistir, é lutar, é sorrir, é chorar,
é olhar para trás e ver que ainda somos as mesmas,
mas já somos melhores do que ontem sem perder a graça de ser meninas em corpo de mulher!

Obrigada, Glorinha linda!

Um beijo de uma Maria, filha de outra Maria e neta de Izabel, que veio da Espanha, que veio...
que veio no sangue,no ventre...
da terra, dos céus e do mar!

Luci Cardinelli disse...

Essa música é linda e eu sou fanzoca do Milton.
Temos mesmo uma força muito grande, DEus sabia todos que dependeriam dessa nossa força. O interessante é irmos descobrindo essa força ao longo da nossa vida.

beijo grande e um ótimo feriado!

Eliana Pessoa disse...

REALMENTE SOMOS COMO OS CACTUS EM MEIO A TANTOS DISSABORES CONSEGUIMOS TIRAR O MELHOR DE NÓS E AINDA PIOR ENTREGAR NOSSO MELHOR PARA PESSOAS QUE AS VESES NEM MERECE!!!
BJIM

Vivi... disse...

Oi Glorinha,
Linda a mensagem, me emocionei e me identifiquei com cada palavra, realmente somos todas guerreiras, e mesmo morrendo por dentro (como estou agora)conseguimos ainda assim amar nossos filhos, nossa mãe, nossos irmãos e extrair do mais profundo do nosso ser um sorriso mesmo que apagado, mas sai sim um sorriso e uma palavra amiga! obrigada pela mensagem, me tocou profundamente! Uma Feliz Páscoa!!!
bjs...

Glorinha L de Lion disse...

Chica, muito obrigada por seu carinho. Feliz Páscoa pra vc tb! Bjs.

Giovanna, vc é uma das minhas Marias...sabia que se reconheceria...feliz renascer amiga! Bjs.

Rozani, todas nós merecemos essa homenagem, guerreiras que somos a vida toda! Bjs.

Maria Izabel, lindas palavras, como sempre...soube captar minha mensagem a todas as nossas ancestrais, nossas filhas e todas as que ainda virão! beijos e feliz Páscoa!

Luci, tb sou louca pelo Milton e suas músicas que refletem a alma brasileira...Feliz Páscoa! Bjs.

Eliane, esssa é graça de ser mulher...uma entende a outra, somos todas irmãs de sangue, corpo e alma...bjs.

Vivi, obrigada por ter gostado do meu texto. Espero que tenha forças pra renascer!
Feliz Páscoa! Bjs.

Cris França disse...

que lindo post e que linda homenagem, creio que seja assim mesmo disses, somos dotadas da maior de todas as capacidades, a capacidade de amarmos com tudo, com o melhor de nós, e isso faz de cada uma uma fortaleza.
parabéns as valentes mulheres e a ti entre elas.
Feliz páscoa, minha amada amiga!

Luma Rosa disse...

Glorinha, eu acredito que você tenha essa força e que muitas mulheres também possuem, mas sei também que existem mulheres que procuram encurtar caminho e optam pela 'vida fácil'. Pensar em mulheres fortes, nos alivia o ego e nos faz sentir bem, mas quando digo 'vida fácil' tento entrar no âmago e entender que, para essas mulheres nada é tão fácil, porque a vida cobra, né?
A homenagem cabe à você que tem trazido para a blogosfera reflexão, carinho e uma postura digna!! Feliz páscoa!!

Lucia Cintra disse...

Nem acredito que consegui lembrar dessa musica! Fiquei com ela na cabeca o dia todo. bjos

Glorinha L de Lion disse...

Cris, obrigada minha querida...vindo de vc, outra guerreira, isso é um elogio!
grande beijo e feliz páscoa!

Luma, que lindas palavras, até me emocionei!
A blogosfera tem me devolvido flores, carinho e afeto por minha postura, tenha certeza, e vc é uma dessas flores que brotaram no meu jardim! Obrigada e boa páscoa! Bjs.

Lucinha, a Lúcia de que eu falei é vc! Vc é uma guerreira, cheia de força, que sobreviveu aos obstáculos e ao sofrimento e tem se mostrado uma jovem e forte mulher, com M maiúsculo! Que bom que te fiz recordar essa maravilha de música!
beijos e boa páscoa! Bjs.

Cris Tarcia disse...

Glorinha, que bom ter sua compania no meu cantinho, estou aqui tb, bem adoro bolo com café

Beijos

Manuela Freitas disse...

Querissima,
Deste-me cá uma força e um ânimo!...Tu és uma pessoa maravilhosa e muito perspicaz, além de teres uma grande força em ti, que sabes transmitir!...
Dia a dia há muito de nós que não é devidamente apreciado, não era necessário estarem sempre a dar-nos louvores, mas uma palavrinha é sempre agradável!...
Grande música de Milton, só faltou mesmo a música.

Muitos beijinhos «amore»,
Manú

Açuti disse...

Oiii amiga linda!!

Que pessoa brilhante é vc!!!
Sabe, passo por um problemão tb...as vezes parece que já nem terei forças pra continuar e seguir...mas essa "força" que vc disse ressurge como fenix ainda mais forte e brilhante e me move, fazendo assim com que eu dê mais força ao maridon....umff...as vezes me pergunto como posso, como consigo...nunca sei a resposta, só sei que essa força aparece!!!!

Fiquei emocionada com o que escreveu...obrigada, me senti presenteada!!

Ah, qto a cor ROSA, puxa, tb não sou muitoo fã pois não sinto tão vibrante...mas fique tranquila, na hora vc terá a inspiração necessária!!

super bjksssss

Beth/Lilás disse...

Oi, bonitinha!
Também quero estar incluída neste rol de mulheres fortes, pelo menos venho tentando isso com o decorrer dos anos, principalmente em algo que achava que não teria forças para superar, mas vejo que tenho levado bem e o simples fato de abrir meu coração para a vida e novas amizades, como a sua, tem me feito mais forte e confiante, depressão passa longe e espero nunca se aproxime mesmo.
Te espero amanhã com alegria para brindarmos este post lindo em homenagem a todas nós.
beijinhos cariocas

angela disse...

minha querida "writer", apesar de tudo, de todos, é bom ser esta maria dai, a maria do milton, a maria da vida, a maria do blog e a melhor maria - a amiga da Glorinha, renascendo das dores, das cinzas, das angustias, dia a dia buscando o sol, a lua, os amores...
Feliz Páscoa. bjs

KINHA disse...

Olá

Adorei a mensagem.
Espero sua participação no sorteio do KIT NOVEX.

FELIZ PÁSCOA

BEIJO

ZOCA disse...

Glorinha como sempre ,vc me surpreende a cada texto escrito...Parabens por mais este e uma Feliz Pascoa para vc e sua familia

orvalho do ceu disse...

Olá, Glorinha
Me sinto "orgulhosa" de assumir meu papel de mulher em todos os níveis... reparo que, quando estamos abatida, outra mulher vem nos auxiliar... que feliz "coincidência", né?
Bjs e feliz Páscoa!

Astrid Annabelle disse...

Olá Glorinha!
Que bela homenagem à Deusa que existe em cada uma de nós mulheres!
Essa Deusa poderosa, muitas vezes escondida, precisa ressurgir...e lendo seu texto, ela com toda a certeza brota com fôrça e vigor!
Um beijo agradecido
Astrid Annabelle

manuel marques disse...

Mulher de branco, pisando a passarela do tempo,
Nós te jogamos flores do campo com cherio de amanhecer.
Mulher de branco catando salmos divinos,
Nós rezamos contigo, restituindo a fé
na luminosidade da Estrela D'alva que aponta no céu
cedo da madrugada.

Junta-te a nós, mulher vestidade branco!
Bordamos mil cores e a vida é a mesma reproduzida
na colcha da cama e na toalha da mesa.
Apagando o pecado original
e fazendo brilhar virtudes
nascidas e amassadas entre os sonhos e as receitas
de um tempo conservador onde nos chamavam rainhas
do lar.

Hoje ativamos o poder sem
manejar armas de fogo,
mas canalizando a ternura e a engenhosidade
do afeto.

Somos Marias Bonitas,
carinhosas, sofridas,
projetistas de um tempo novo,
seguindo as curvas de batalhas infinitas,
andando sobre os próprios pés,
conjugando nosso próprio verbo,
e erguendo com as próprias mãos
um cotidiiano antes programado
para bordar casar e cozinhar.

Agora o mundo nos anuncia e anunciamos o mundo.
Sem protocolos ou marcações de tempo.

Não é uma vida fácil.
Ela arde o sufoco das horas,
das decepções... dos medos...
dos sustos e da fome.
No sufoco das cobranças
amargas e traçoeiras.
Na competividade
animalesca.

Mas estamos de pé na arte no e no estilo.
Revelando intimidades e descobertas.
Rasgamos as indumentárias dos nobres
e preferimos o conforto da modelagem perfeita
do abraço de quem abre-se em concha para acolher
a criação de Deus
e do homem.

Mulher de branco, dá-me tuas mãos,
formemos a grande ciranda,
unamos nossas vozes em canções de amor
acompanhando o zig-zag
de sentimentos loucos e puros.
Assim juntas atingiremos a lua azul e o sol ardente,
o Homem e a Terra, a luz e a escuridão.

Respeitemos a vida,
mergulhemos na natureza,
rejeitemos a violência sob todas
as formas.

Assim, eu e você t doas as Marias
unidas na coragem, vamos
entender o aviso libertador e
mágico dos relâmpados.

Fonte:Jornal de poesia.

Anny disse...

Glorinha:
Esta música é mesmo fantástica.
Milton Nascimento foi perfeito.
Parabéns pelo texto!
Mulher é assim. Tem a cor e o som de Maria...


*Já postei para o dia 05 de abril. Vou viajar e não tenho como acessar um comoputador por lá.
Uma boa páscoa.
Anny.

Glorinha L de Lion disse...

Cris, eu é que agradeço ter vindo tomar café com bolo comigo. Bjs.

Manu, vc é uma das homenageadas! Na verdade, todas as mulheres estão nesse post, no meu pensamento quando o escrevi, mas principalmente as que eu sei que passam por momentos difíceis, como eu...Grande beijo!

Açuti, com certeza vc é uma das minhas Marias! Uma Maria muito querida e que sei que tb tem a força divina que trazemos em nós...Bjs.

Beth, vc tb estava incluída, claro! Todas vcs que fazem parte da minha vida, me dão força e são tb guerreiras...todas as mulheres o são! Bj.

Glorinha L de Lion disse...

Kinha, obrigada, bjs e boa páscoa!

Zoca, que bom que tem acompanhado meus textos! Beijão pra vc e boa páscoa tb!

Orvalho, como diz a amiga Astrid, homenageei a deusa que existe em todas nós...e sabemos dar a mão àquelas de nós que precisam de um ombro e um abraço amigo. Bjs.

Astrid, essa deusa de que vc fala e que vive em cada uma de nós, muitas vezes passa despercebida por muitas...cabe a cada uma, lembrar que ela existe, ela tem a força e é ela que nos faz seguir...obrigada por suas palavras...vc me entendeu à perfeição! bjs.

Manuel, vc, como sempre um gentleman, me dá esse lindo poema de volta, como um presente a todas nós, mulheres...e eu o ofereço a todas as minhas amigas...Bjs.

OK Anny, tudo bem! Boa Páscoa pra vc tb! Bjs.

Mila Viegas disse...

Glorinha, fiquei realmente emocionada com o teu post. É bom saber que não estamos sozinhas, principalmente, em momentos tão confusos e difíceis. Obrigada pelo carinho!
Tenho certeza de que tudo isso vai se reverter em breve e poderemos deixar a nossa orquídea interior desabrochar belíssima!
Um grande beijo e um abraço bem apertado!