quarta-feira, 25 de agosto de 2010

O Enamoramento



Enamoramento. Enamorar-se. Palavra antiga, mas que quer dizer tanto...
Existe melhor momento na vida do que quando nos enamoramos?
Porque enamorar-se é o sentimento que vem antes da paixão, é aquele momento de encantamento em que estamos descobrindo o outro, o objeto que nos inspira esse encanto.
Ao olhar para dois jovens enamorados me vem uma saudade imensa desse sentimento que é doce e tórrido. Novo, mesmo depois de tantas vezes sentido. Único, a cada vez.
Sinto saudade desse enlevo do "deixar-se possuir de amor", segundo o dicionário.
É aquela fase em que vemos estrelas cadentes, fogos de artifício, pétalas caindo a cada beijo, olhares, mãos, bocas. Onde parecemos pousar em nuvens, nos afundando nelas como num sonho. Deliciosamente macias, quentes, envolventes.
Estamos decifrando o outro, bebendo cada sílaba, como se cada palavra fosse música, cada gesto, mágico.
Vi, ontem, diante de mim, uma cena assim. E é tão bonito isso do ser humano, essa constante reinvenção, esse contínuo renascer. Os sentimentos estão todos lá. Acabam por um lado, renascendo de outro.
Vida que continua, mesmo após decepções, desilusões, desamores.
E é essa a beleza do viver: Esse enamorar-se constante, por alguém, por uma ideia, por um ideal. Mesmo debaixo de escombros, mesmo que tudo pareça feio e morto, sempre nascerá e rebrotará uma flor.


39 comentários:

Thaís leão disse...

ÊÊÊ!também adoro!
"Falling in love again...
and there is not that I can do!"

Beijos
Obrigada pelo jantar maravilhoso!

Roy Frenkiel disse...

Nesses tempos nao ha nada que mais me faca falta do que a intensidade do enamorar... Queria que fosse retribuido meu sentimento, mas cai aos prantos, sozinho e rabugento...

Sei que passa, e logo me enamorarei de novo.

Bjx

RF

Lúcia Soares disse...

Delicioso, Glorinha. Inesquecível.
Beijos!

Lidia Ferreira disse...

Affffffff belo texto rsrs eu procuro sempre estar com esse sentimento pelo meu namorido
bjs

Glorinha L de Lion disse...

Filha linda, tudo o que mais quero é te ver feliz! E estou vendo! Feliz enamoramento! Beijos, te amo.

Glorinha L de Lion disse...

Oi Roy, passa, claro que passa...daqui a pouco estará enamorado novamente! Te desejo isso! Bj

Glorinha L de Lion disse...

Obrigada Lúcia querida...ô fase boa essa né? bj

Glorinha L de Lion disse...

Lídia, Difícil depois de 35 anos junto de alguém ainda estar enamorada...meu caso, of course, mas amo meu marido, o que sinto falta é desse encanto inicial...bjs.

orvalho do ceu disse...

Oi, querida
É o termo que mais aprecio... e o sentimento mais doce... vim logo ver do que se tratava... e gostei!
Muito obrigada pela delicadeza de tarde.
Bjs e sernidade pra vc.

Barbie Girl disse...

Hoje é mais um dia que marca meu enamoramento, meu encantamento... a verdade é que vivo veramente passionada... ai ai! Bom mesmo!!

beijos

Bombom disse...

É bom continuar enamorada mesmo depois de alguns desencantos que a vida nos traz. Ao fim de 41 anos de casada, sinto muitas vezes a falta de namorar de novo!...Bjs. Bombom

Deia disse...

AI, ai, Glorinha... enamorar-se é muito bom!!! Gostei muito por você ter expandido o sentido da palavra: podemos nos enamorar por uma pessoa, mas também por uma ideia, um sentimento, uma nova etapa na vida. Enamorar é amplo, gigante, igual coração de mãe! Pensei em mais uma hipótese de enamoramento: mesmo estando tantos anos juntos, depois de algumas dificuldades, um descobre no outro um ângulo que não havia notado... eu me encontro tão enamorada ultimamente... rsrs! Um beijo, animadíssima para o tema RAIVA! Soltem as suas garras!! Vamos cair na gandaia! Deia

PS: Querida, adorei o convite para um encontro carioca e prometo me organizar para encontrá-la quando for ao Rio (ou ainda melhor, Niterói!), mas, sua amiga aqui é uma exilada econômica e veio morar na terra da garoa há alguns anos! Contudo, carioca da gema, estou sempre por aí! Combinaremos, pode ter certeza, e obrigada pela lembrança!

Yoyo Pizy disse...

O enamoramento é deveras um momento divino.Pena que não podemos viver essa fase eternamente(estou me referindo ao enamoramento com o parceiro)
Acho que ninguém aguentaria, é muito forte,hehehe
Bjo no core, amiga

Chica disse...

Eu também ainda sinto um frio na barriga ao lembrar daqueles momentos de enamoramento quando,com um simples toquezinho no queixo, olhos nos olhos,sentíamos tuuuuuudo de bom...

Estou também casada há mais de 41anos e procuramos manter nossa chama acesa,mas nunca é aquele tempinho de volta,né?

beijos,lindo tema!chica

Kelly disse...

O enamorar...que fase boa!!!! Temos que procurar estar enamorados pela vida, para que ela não perca o sentido. Adorei seu post, beijos

Vicentina disse...

Querida que lindoooo... me vi com 15anos, foi quando eu e marido começamos a namorar, mas o namoro continua até hoje rsrs, 40a depois, dias mais, outros menos e assim vai.
Bjs

Nilce disse...

Ui, Glorinha

Senti o coração acelerar lendo o teu post.
Que delícia o enamoramento. Um olhar basta para o entendimento, carícias arrepiantes,confidências, brilho nos olhos, coração que canta, pensamento que voa.
O envolvimento sem pudor, o toque,os beijos, os abraços ou simplesmente o esbarra-se causando furor.
Ai, ai. Tem coisa melhor???

Perfeito!

Bjs no coração!

Nilce

disse...

Lindo retrato dessa fase você pintou Glorinha. Uma fase de flutuação. Bjoss

Clau Finotti disse...

Tem uma fase no começo que é aquela de perder sono de madrugada, de vontade conversar 24 horas, só com a pessoa e com mais ninguém no planeta. E isso nem é só coisa de adolescente, eu vivi isso no começo do meu namoro com meu marido, e tinha já 29 anos. Hoje, após quase oito anos, e com alguns probleminhas no meio do caminho, ainda sinto encantamento olhando para ele. É diferente, mas quando é de verdade não acaba... acho que não, pelo menos espero que não...rs

Bjão.

Ah, adorei saber que vamos brindar juntas o niver.

Glorinha L de Lion disse...

Rosélia, esse sentimento é doce feito mel, né? Acho que todos nós já vivenciamos isso. bjs

Cíntia, como é bom viver assim...já passei da fase do enamoramento, se bem que às vezes, bem raramente agora, ela volta. bj

Beth/Lilás disse...

Maninha,
Que lindo post!
Torço muito para que estes enamorados continuem assim para sempre, principalmente porque gosto muito da namorada deste namorado e se ele não cuidar desse enamoramento direitinho vou pedir seu coelho emprestado.
beijinhos da tiazona

Glorinha L de Lion disse...

Bombom querida eu estou com meu marido há 35 anos, entre namoro e casamento...tb sinto falta disso, é tão bom...bjs.

Oi Deia, tô quase me exilando tb amiga! A coisa tá pra lá de feia...e tomara q vc venha no próximo encontro! Bjs.

Glorinha L de Lion disse...

Yoyo, pois eu te digo, que eu gostaria de viver eternamente enamorada, mas ninguém consegue essa façnha, né? A rotina acaba com tudo...bjs.

Vice, doce de leite! vc ainda está enamorada desse seu gatão? Que lindo minha amiga, me dá a receita? hehe bjs.

Glorinha L de Lion disse...

Nilce querida, ô fase maravilhosa né? Pena que passa...assim é a vida. Mas vamos nos enamorando de outras coisa, sonhos, ideais...e amemos calmamente nossos companheiros, sem a mesma paixão, mas com um amor indissolúvel.bjs.

Glorinha L de Lion disse...

Chica, vc já tem 41 anos de casamento? Nossa igual à Vice...que legal...ainda chego lá...bjs.

Kelly, é verdade, se perdermos esse sentimento totalmente, a vida segue sem graça...bjs.

Rê, que bom que gostou. bjs.

Clau, Tb acho que pra isso não tem idade não> Hj soube que o pai de uma amiga viúvo há um ano, está namorando...achei tão bonitinho: ele 83, ela 55.Então vamos bebemorar amiga! bjs.

Glorinha L de Lion disse...

KKKKKK ai Beth estou rindo pra não chorar...ô tristeza danada sô...nem meu coelho adianta hj...estou mais pra Magali que pra Monica...me entupi de cuscus pra ver se a ansiedade melhora...e tome rivotril na cuca...bye até amanhã amiga.

Ana D disse...

Ahhhh eu adorei esta imagem do pig e da rose rsrsrs...Perfeita ! Inusitada! E o texto, delicado...

Liza Souza disse...

Lindo texto, Glorinha! Infelizmente essa sensacao gostosa nao dura o tempo todo do relacionamento, mas podemos reacende-lo as vezes, talvez nao com toda a intensidade da primeira vez, mas de uma forma diferente e muito gostosa. Enamorar-se é mesmo tudo de bom, e como voce disse podemos viver enamorados por uma ideia, por um ideal.
Beijos

Cris França disse...

ah Glorinha, concordo plenamente com você, eu sou uma enamorada eterna, quero morrer de amor , por algo ou alguém, todos os meses e continuar vivendo, como disse o poeta.

bjs minha querida

Tati Pastorello disse...

Glorinha, que texto lindo! Ofereça-o a revistas. Está divino! Martha Medeiros que se cuide mesmo, minha amiga!! hehehe
Beijos.

Mari disse...

Oh, Glorinha, ate suspirei lendo teu texto. O amor bortando é coisa bonita de se ver!
Beijos

Lata de Luxo disse...

Ola,Glorinha.
Participedi da sua blogagem coletiva amarela,que achei uma otima ideia,mas nao tive mais retorno de vc.Queria participar de mais blogagens,mas nao sei se posso.Me de um sinal verde,afinal as ideias sao otimas,vejo nos outros blogues,e queria voltar a participar.Grande abraco.zenaide storino.

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Eita que esse sentimento é bom demais. E eu gosto rs.

Enamorar-se constantemente é um esforço contínuo, não é? Seja por quem ou pelo que for.

Mas é bom de sentir... tudo vira magia pura. rs
bom dia!

URBAN.GO disse...

Meu Deus, tantos comentários!
Enamorar, estar apaixonado, ora aí está um sentimento sublime. Existem vários tipos de paixão, mas todos eles são válidos, muitos levados ao limite são capazes de transpor a ténue linha entre o coração e a mente, tornando-se em ... "obsessão".
Os felizardos desta vida, apenas conhecerão uma paixão, mas os abênçoados ...conhecerão pelo menos mais uma ... por cada filho seu.
Bjs.

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Qualquer coisa delete essa mensagem. Mas fico sentido por vc estar chateada. Não sei o que aconteceu, nem quero saber, respeito sua individualidade e sua vida. Mas tenha em mim o meu apoio e abraço amigo.
Fico triste de ver que o ser humano parece fazer força para mostrar o pior lado de si. Gente infeliz, que não sabe fazer a vida valer a pena...

não fique chateada. Gente ruim vibra mal, encontra o que procura. Não entre no desanimo nem na tristeza, viu? A gente pode dar um passo pra trás mas vamos dar dois pra frente e é pra já!

bjs bom dia querida amiga.

Meru Sâmi disse...

Oi, Glorinha!
Acbei de escrever meu post para a blogagem e estava tensa (peguei pesado!), então encontro esse seu texto gostoso, que me relaxou um pouco. Agradecida, amiga!

E o encontrei poeque vim pedir para você trocar o link do Meru Sami pelo link do blog SHAPARRU. penso que tem mais a ver...

Beijos.

LILIANE disse...

Glorinha,
Que delícia é enamorar.
Todos passam por este momento incrível, de magia e encanto.
Penso que viver profundamente o "enamoramento" é importante para o futuro.
Quando as coisas apertam por aqui é a lembrança das palavras, do carinho, do toque gentil, das surpresas, do beijo roubado que sustentam o meu casamento de 10 anos.
Eu provoco de propósito esses momentos enamorados, nem que seja só um pouquinho por mês. rsrs.
É muito bom mesmo né, ai ai.
Ps: eu achei graça do Rivotril, fui proibida de tomar rsrs mas ele ajudava. Beijos

Isadora disse...

Glorinha, isso é mágico e quando vejo cenas assim, cehgo a me emocionar, pois a recordação que vem é de mim mesma, dos momentos que vivi esse enamorar.
Acho que também é bem bacana, após as decepções nos vermos nesse estado de graça.
Um beijinho e até amanhã

Cantinho She disse...

Ai, ai.... esse sentimento é tãããããããããão bom... adorei o post!
Beijo, beijo! ;)